A Autoridade Monetária de Singapura (MAS) lançou um relatório intitulado “Paper on Money Services e Payments”

O Singapura MAS divulgou um artigo branco para estabelecer normas para a utilização de moeda digital em colaboração com várias organizações reconhecidas.

O setor de ativos digitais de Singapura poderia se beneficiar muito com o recém-lançado white paper pela Autoridade Monetária de Singapura (MAS). O MAS de Singapura contou com a colaboração de vários grupos internacionais, tais como o Fundo Monetário Internacional, o Banco da Coreia e outros, na elaboração do documento.

O documento branco apresentou o protocolo Purpose Bound Money (PBM), que estabelece novos parâmetros para a transmissão de dinheiro digital como CBDCs e stablecoins no país. Estes parâmetros incluem diferentes tipos de lojas e períodos de validade.

Sopnendu Mohanty, o Chefe de Tecnologia Financeira da Autoridade Monetária de Singapura (MAS) declarou: “Esse trabalho conjunto entre os atuantes do setor e os responsáveis políticos ajudou a alcançar grandes melhorias na liquidez, na aquisição de mercado e na experiência do usuário com moedas digitais”.

O documento branco aborda duas áreas, particularmente para a indústria de bens digitais: modelos de negócios e operacionais e detalhes técnicos. Por outra parte, o PBM (Protocolo de Boletim de Moeda) seria responsável por capacitar o emprego da carteira e tecnologia de contabilidade digital em diferentes casos de uso.

O protocolo PBM será também testado em várias situações, como o e-commerce, em que corporações como a Amazon e a Grab ingressariam. O cenário das recompensas programáveis incluiria jogadores como NETS, UOB e DBS, que estariam experimentando os cashbacks e outros bônus baseados no protocolo PBM.

O Singapura MAS pretende fomentar maior investigação no âmbito de ativos digitais e do protocolo PBM, com a ajuda desta publicação. Os critérios delineados pelo papel branco podem se transformar numa regra padrão para a indústria de ativos digitais mais adiante.

Vai gostar:   A MicroStrategy investiu mais US$ 347 milhões em Bitcoin, elevando seu total de investimento para mais de US$ 4,5 bilhões.